Offcanvas Section

You can publish whatever you want in the Offcanvas Section. It can be any module or particle.

By default, the available module positions are offcanvas-a and offcanvas-b but you can add as many module positions as you want from the Layout Manager.

You can also add the hidden-phone module class suffix to your modules so they do not appear in the Offcanvas Section when the site is loaded on a mobile device.

É muito mais cômodo viver na caverna da ignorância e conviver com as sombras das falsas realidades da vida, a buscar a luz do conhecimento e as verdades sobre o mundo real, assim dizia o filósofo Platão no Antigo Mundo Grego.

De fato, muitas pessoas se fecham em dogmas ou ideias e não percebem a pluralidade do conhecimento, das múltiplas formas de viver em sociedade, as quais estão bem acima das tradicionais polaridades impostas pela política partidária, pelas religiões, pela comunicação de massa e pelos preconceitos tão vivos no mundo de hoje.    

As cavernas que negam as realidades são inúmeras. É mais fácil acreditar nas verdades absolutas e excludentes oferecidas por religiões do que entender que a manifestação religiosa é mais uma expressão da cultura humana. Sem o ser humano não existe religião, não existe religião sem adeptos. Portanto, se existem atos excludentes e intolerantes nas religiões são porque os homens de lá, são assim. Então, se o homem muda, a religião também muda.  

É tão fácil acreditar que a péssima política só envolve políticos profissionais, partidos políticos que são todos iguais e que não refletem a realidade social, econômica e o interesse coletivo e, que seus membros não são umas santidades como administradores, independente da denominação ideológica. No entanto, é difícil aceitar que numa democracia, a política de um país é fruto das escolhas do seu povo, um povo que possui a responsabilidade de eleger seus governantes, ou seja, as péssimas escolhas geram péssimos governos.

É mais fácil dá uma opinião sobre qualquer assunto ou acreditar numa informação do que buscar o conhecimento. A maioria da população é movida por opiniões e informações, muitas das vezes falsas, porque o conhecimento requer tempo, estudos e dedicação. Por isso, que os grupos de comunicação do Brasil lançam diariamente suas opiniões, eles sabem que as decisões do povo são movidas pelo senso comum, sem base nenhuma de verdade. As redes sociais também são campo predileto dessas manifestações.

Nada de mais cavernoso do que acreditar em raças superiores ou inferiores e, que cada indivíduo depende da sua origem para ocupar uma missão na sociedade. Na verdade, só existe uma raça: a raça humana. O que diferencia os homens são as suas culturas, seus Deuses e ideias sobre a origem do mundo e da vida.

No Brasil, onde os pastores ficam ricos e padres tornam-se celebridades, lugar em que a política tem péssima qualidade e políticos corruptos, onde ninguém mexe no monopólio das empresas de comunicação ou da produção das informações, lugar em que o racismo é camuflado e com exclusão social, espaço em que um determinado candidato cresce entre os mais ricos porque agride negros, gays e índios.

Tudo isso, faz-me lembrar da frase do pensador americano  Mark Twain, quando diz: “É mais fácil enganar as pessoas a convencê-las de que elas foram enganadas.”

Carlos Santiago - Sociólogo e advogado